FARO 1540

Associação de Defesa e Promoção do Património Ambiental e Cultural de Faro

ENTREVISTA DO NOSSO PRESIDENTE NO JORNAL DE FARO

ENTREVISTA DO NOSSO PRESIDENTE NO JORNAL DE FARO

A entrevista integral com o presidente da "FARO 1540", Bruno Lage no Jornal de Faro, em: http://www.jornaldefaro.com/?p=889 Proposta de roteiro “Conhecer o concelho de Faro” por parte do entrevistado em:  http://www.jornaldefaro.com/?p=898

Convívio “1540″ – Aberto a Associados

Convívio 1540 - Aberto a Associados

A Faro1540 dispõe a partir de hoje um espaço de lazer dirigido a todos os associados. Este espaço funcionará durante todas as actividades regulares semanais promovidas pela Faro1540, com especial destaque ás terças e sextas-feiras, com eventos temáticos. Público em geral também está convidado ...

BOOKCROSSING, agora em Faro…

BOOKCROSSING, agora em Faro...

O conceito de BOOKCROSSING está já bem implantado em todas as sociedades modernas. Portugal aderiu mais recentemente a este movimento, mas actualmente encontra-se já em igualdade com os principais países da Europa, representando neste momento uma das maiores correntes a nível Europeu. O BOOKCROSSING ...

NÃO AO ACORDO ORTOGRÁFICO

NÃO AO ACORDO ORTOGRÁFICO

A “FARO 1540” fiel aos seus princípios e à defesa da língua e cultura portuguesa sempre utilizou a norma ortográfica antiga nas suas comunicações escritas. Chegado ao ano 2013, a “FARO 1540” deliberou em reunião de Direcção manter esta orientação em virtude ...

UM “LIKE” POR UMA ÁRVORE

UM LIKE POR UMA ÁRVORE

A “FARO 1540″ está a lançar uma campanha ecológica. Por cada “like” nas páginas no Facebook da “Faro 1540” e “Farcume” vamos plantar uma árvore autóctone em terrenos de aptidão florestal. A plantação vai decorrer no âmbito da Semana de Reflorestação Nacional. Colabora clicando ...

MOÇÃO APROVADA EM ASSEMBLEIA-GERAL POR UNANIMIDADE E ACLAMAÇÃO

A "FARO 1540" torna pública na sua página electrónica, a moção que foi aprovada por unanimidade e aclamação na sua última Assembleia-Geral, realizada no passado dia 17 de Dezembro, onde é pedida a devolução a Faro da biblioteca do Bispo do Algarve ...

FARCUME NO CROWDFUNDING PORTUGAL

FARCUME NO CROWDFUNDING PORTUGAL

A "FARO 1540" já se encontra a preparar a 4ª edição do FARCUME: Festival de Curtas-Metragens de Faro, estando a empenhar-se activamente para que esta seja a maior e melhor edição de sempre. Para já, e a cerca de 4 meses do encerramento ...

FARCUME CHEGA AO BRASIL

FARCUME CHEGA AO BRASIL

O FARCUME: Festival de Curtas-Metragens de Faro, realizado anualmente pela associação “FARO 1540”, vai ter uma extensão no Brasil e será realizada na cidade de Boa Vista no estado de Paraíba. Este projecto surgiu de um conjunto de reuniões que tiveram início em ...

ASSOCIADOS

ASSOCIADOS

Para ser um dos associados da "FARO 1540", caso seja proposto por um sócio efectivo, apenas terá que preencher a proposta de associado e anexar uma fotografia. Caso se auto-proponha como associado efectivo, deverá enviar para a "FARO 1540" um pequeno CV ...

Março, mês dos 3 Ws

Março, mês dos 3 Ws

- Workshop de Mandarim (a decorrer durante todo o mês de Março de terça a quinta-feira) - Workshop de Introdução ao mundo da Apicultura (dia 16 de Março das 9h30 às 17h30) - Workshop de Ovos de Chocolate (dia 17 de Março de manhã) Durante ...

ASSEMBLEIA-GERAL ORDINÁRIA

CONVOCATÓRIA

Nos termos dos Estatutos e na observância   do Regulamento Interno da FARO 1540 – Associação de Defesa e Promoção do Património Ambiental e Cultural de Faro,nomeadamente dos seus artigos 18º e 19º, convoco uma Assembleia-Geral Ordinária, a realizar-se no dia 1 de Abril de 2014 (terça-feira), às 21.30 horas, na sede social, sita na Rua Pedro Nunes Nº 14 em Faro com a seguinte ordem de trabalhos:

Ponto Um – Informações
 Ponto Dois – Apreciação e votação do Relatório e Contas do Exercício de 2013.
Ponto Três – Outros assuntos de interesse associativo.

O Presidente da Mesa da Assembleia-Geral

Fernando Leitão Correia

* Informa-se que de acordo com o número 5 do artigo 13º do Regulamento Interno, a Assembleia-Geral na ausência de quórum reunirá em 2ª convocatória no mesmo local ao fim de 30 minutos após a hora da 1ª convocatória, com qualquer número de associados.

FARCUME NO CROWDFUNDING PORTUGAL

A “FARO 1540″ já se encontra a preparar a 4ª edição do FARCUME: Festival de Curtas-Metragens de Faro, estando a empenhar-se activamente para que esta seja a maior e melhor edição de sempre.

Para já, e a cerca de 4 meses do encerramento do período de inscrições, contamos com a recepção de 271 curtas oriundas dos quatro cantos do mundo (ao todo 43 países) e de excelentes realizadores e argumentistas com prémios em grandes festivais mundiais, o que vai afirmar o FARCUME, já este ano, como um festival internacional e de grande qualidade.

Mas para correspondermos a estas expectativas, para além do trabalho voluntário da equipa organizadora, apelamos ao vosso precioso contributo, apoiando o nosso evento na plataforma Crowdfunding Portugal, onde fizemos o registo há momentos.

Cliquem em: http://ppl.com.pt/pt/prj/farcume , registem-se na plataforma e enviem o vosso donativo (apoios de 5, 10, 20, 50 ou 100 euros). 

Já sabem que fazemos questão de gerir escrupulosamente os parcos recursos que temos e já provámos que com pouco fazemos muito, na certeza que o vosso donativo será bem aplicado. Para além disso, de acordo com o vosso contributo há um conjunto de “recompensas” interessantes.

DIA ZEITGEIST EM FARO

Como vem sendo hábito, a “FARO 1540″ vai assinalar o Z-Day (Dia Internacional Zeitgeist), no dia 14 de Março (6ª feira) na sede da associação “FARO 1540″, localizada na Rua Pedro Nunes, nº 14 (Faro), com a projecção do último filme Zeitgeist ”ZEITGEIST – Culture in Decline” e do documentário AURORA “O dinheiro à Grande e à portuguesa” acompanhado de um debate no final onde todos estão convidados a intervir.

O objectivo principal do Movimento Zeitgeist é o reconhecimento de que a maioria dos problemas sociais que afligem o Homem neste momento não são unicamente o resultado de corrupção institucional, de escassez, de uma estratégia política, de uma falha inerente à “natureza humana”, ou outras hipóteses normalmente apontadas pela comunidade activista. Ao contrário, o Movimento reconhece que questões como a pobreza, a corrupção, o colapso das instituições, os sem-abrigo, a guerra, a fome e outras são “sintomas”, consequências de uma estrutura social ultrapassada.

Venham ver o porquê!!!

Coordenadas GPS: 37.017002|-7.925582
Entrada livre!
Não faltes!