FARO 1540

Associação de Defesa e Promoção do Património Ambiental e Cultural de Faro

ENTREVISTA DO NOSSO PRESIDENTE NO JORNAL DE FARO

ENTREVISTA DO NOSSO PRESIDENTE NO JORNAL DE FARO

A entrevista integral com o presidente da "FARO 1540", Bruno Lage no Jornal de Faro, em: http://www.jornaldefaro.com/?p=889 Proposta de roteiro “Conhecer o concelho de Faro” por parte do entrevistado em:  http://www.jornaldefaro.com/?p=898

3º FARCUME – Festival de Curtas-Metragens de Faro

3º FARCUME - Festival de Curtas-Metragens de Faro

A FARO 1540 – Associação de Defesa e Promoção do Património Ambiental e Cultural de Faro, após o sucesso alcançado nas duas  edições anteriores do FARCUME – Festival de Curtas-Metragens de Faro, decidiu organizar a 3ª edição deste Festival de Curtas que ...

ASSOCIADOS

ASSOCIADOS

Para ser um dos associados da "FARO 1540", caso seja proposto por um sócio efectivo, apenas terá que preencher a proposta de associado e anexar uma fotografia. Caso se auto-proponha como associado efectivo, deverá enviar para a "FARO 1540" um pequeno CV ...

MOÇÃO APROVADA EM ASSEMBLEIA-GERAL POR UNANIMIDADE E ACLAMAÇÃO

A "FARO 1540" torna pública na sua página electrónica, a moção que foi aprovada por unanimidade e aclamação na sua última Assembleia-Geral, realizada no passado dia 17 de Dezembro, onde é pedida a devolução a Faro da biblioteca do Bispo do Algarve ...

BOOKCROSSING, agora em Faro…

BOOKCROSSING, agora em Faro...

O conceito de BOOKCROSSING está já bem implantado em todas as sociedades modernas. Portugal aderiu mais recentemente a este movimento, mas actualmente encontra-se já em igualdade com os principais países da Europa, representando neste momento uma das maiores correntes a nível Europeu. O BOOKCROSSING ...

FARCUME NO CROWDFUNDING PORTUGAL

FARCUME NO CROWDFUNDING PORTUGAL

A "FARO 1540" já se encontra a preparar a 4ª edição do FARCUME: Festival de Curtas-Metragens de Faro, estando a empenhar-se activamente para que esta seja a maior e melhor edição de sempre. Para já, e a cerca de 4 meses do encerramento ...

NÃO AO ACORDO ORTOGRÁFICO

NÃO AO ACORDO ORTOGRÁFICO

A “FARO 1540” fiel aos seus princípios e à defesa da língua e cultura portuguesa sempre utilizou a norma ortográfica antiga nas suas comunicações escritas. Chegado ao ano 2013, a “FARO 1540” deliberou em reunião de Direcção manter esta orientação em virtude ...

Convívio “1540″ – Aberto a Associados

Convívio 1540 - Aberto a Associados

A Faro1540 dispõe a partir de hoje um espaço de lazer dirigido a todos os associados. Este espaço funcionará durante todas as actividades regulares semanais promovidas pela Faro1540, com especial destaque ás terças e sextas-feiras, com eventos temáticos. Público em geral também está convidado ...

Março, mês dos 3 Ws

Março, mês dos 3 Ws

- Workshop de Mandarim (a decorrer durante todo o mês de Março de terça a quinta-feira) - Workshop de Introdução ao mundo da Apicultura (dia 16 de Março das 9h30 às 17h30) - Workshop de Ovos de Chocolate (dia 17 de Março de manhã) Durante ...

UM “LIKE” POR UMA ÁRVORE

UM LIKE POR UMA ÁRVORE

A “FARO 1540″ está a lançar uma campanha ecológica. Por cada “like” nas páginas no Facebook da “Faro 1540” e “Farcume” vamos plantar uma árvore autóctone em terrenos de aptidão florestal. A plantação vai decorrer no âmbito da Semana de Reflorestação Nacional. Colabora clicando ...

ASSEMBLEIA-GERAL ORDINÁRIA

CONVOCATÓRIA

Nos termos dos Estatutos e na observância   do Regulamento Interno da FARO 1540 – Associação de Defesa e Promoção do Património Ambiental e Cultural de Faro,nomeadamente dos seus artigos 18º e 19º, convoco uma Assembleia-Geral Ordinária, a realizar-se no dia 1 de Abril de 2014 (terça-feira), às 21.30 horas, na sede social, sita na Rua Pedro Nunes Nº 14 em Faro com a seguinte ordem de trabalhos:

Ponto Um – Informações
 Ponto Dois – Apreciação e votação do Relatório e Contas do Exercício de 2013.
Ponto Três – Outros assuntos de interesse associativo.

O Presidente da Mesa da Assembleia-Geral

Fernando Leitão Correia

* Informa-se que de acordo com o número 5 do artigo 13º do Regulamento Interno, a Assembleia-Geral na ausência de quórum reunirá em 2ª convocatória no mesmo local ao fim de 30 minutos após a hora da 1ª convocatória, com qualquer número de associados.

FARCUME NO CROWDFUNDING PORTUGAL

A “FARO 1540″ já se encontra a preparar a 4ª edição do FARCUME: Festival de Curtas-Metragens de Faro, estando a empenhar-se activamente para que esta seja a maior e melhor edição de sempre.

Para já, e a cerca de 4 meses do encerramento do período de inscrições, contamos com a recepção de 271 curtas oriundas dos quatro cantos do mundo (ao todo 43 países) e de excelentes realizadores e argumentistas com prémios em grandes festivais mundiais, o que vai afirmar o FARCUME, já este ano, como um festival internacional e de grande qualidade.

Mas para correspondermos a estas expectativas, para além do trabalho voluntário da equipa organizadora, apelamos ao vosso precioso contributo, apoiando o nosso evento na plataforma Crowdfunding Portugal, onde fizemos o registo há momentos.

Cliquem em: http://ppl.com.pt/pt/prj/farcume , registem-se na plataforma e enviem o vosso donativo (apoios de 5, 10, 20, 50 ou 100 euros). 

Já sabem que fazemos questão de gerir escrupulosamente os parcos recursos que temos e já provámos que com pouco fazemos muito, na certeza que o vosso donativo será bem aplicado. Para além disso, de acordo com o vosso contributo há um conjunto de “recompensas” interessantes.

DIA ZEITGEIST EM FARO

Como vem sendo hábito, a “FARO 1540″ vai assinalar o Z-Day (Dia Internacional Zeitgeist), no dia 14 de Março (6ª feira) na sede da associação “FARO 1540″, localizada na Rua Pedro Nunes, nº 14 (Faro), com a projecção do último filme Zeitgeist ”ZEITGEIST – Culture in Decline” e do documentário AURORA “O dinheiro à Grande e à portuguesa” acompanhado de um debate no final onde todos estão convidados a intervir.

O objectivo principal do Movimento Zeitgeist é o reconhecimento de que a maioria dos problemas sociais que afligem o Homem neste momento não são unicamente o resultado de corrupção institucional, de escassez, de uma estratégia política, de uma falha inerente à “natureza humana”, ou outras hipóteses normalmente apontadas pela comunidade activista. Ao contrário, o Movimento reconhece que questões como a pobreza, a corrupção, o colapso das instituições, os sem-abrigo, a guerra, a fome e outras são “sintomas”, consequências de uma estrutura social ultrapassada.

Venham ver o porquê!!!

Coordenadas GPS: 37.017002|-7.925582
Entrada livre!
Não faltes!